Prefeitura de Miguel Pereira restringe entrada de veículos por combate ao coronavírus


A Prefeitura de Miguel Pereira, no Sul do Rio de Janeiro, divulgou um novo decreto para reforçar o combate ao coronavírus na cidade. As medidas começam a valer a partir desta quarta-feira (1º).


O decreto restringe a entrada de veículos que tenham placas e ocupantes de outros estados e da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. A prefeitura seguiu as indicações da Secretaria Municipal de Saúde e também da Organização Mundial da Saúde (OMS). A cidade registrou uma morte por coronavírus. A paciente era uma idosa, de 63 anos. Ela teve contato com a patroa, que esteve na Itália e estava com a doença. Até esta quarta-feira, a cidade aguardava o resultado de 20 exames da Covid-19, que foram enviados ao Laboratório Central de Saúde Pública do Estado (Lacen).

Confira os veículos que podem entrar na cidade


  • Táxis e veículos de transporte remunerado por aplicativo, em que o passageiro comprovar sua residência no município

  • Moradores de outros municípios que trabalham e vão de carro para a cidade mediante a apresentação de um comprovante

  • Veículos de transportes coletivos intermunicipais da região Centro Sul Fluminense

  • Veículos de transporte de gêneros alimentícios, medicinais e outros de caráter essencial, bem como veículos de profissionais de saúde, agentes públicos, advogados, membros de consultoria jurídica, assessoria jurídica e advogados públicos

O serviço de transporte público coletivo de passageiros deverão manter a higienização dos veículos, não permitir a aglomeração de pessoas e só transportar passageiros sentados, além de fornecer aos motoristas equipamentos de EPI’s.


Fonte G1

26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo