PM cria primeiro núcleo para descentralizar serviço de perícia


O Centro de Criminalística (CCrim) da Secretaria de Polícia Militar já deu início ao processo de descentralização do serviço, com a criação de núcleos de perícia criminal no interior. Instalado no 38º BPM (Três Rios), o Núcleo de Criminalística do 7º CPA ( Comando de Policiamento de Área) já está atendendo as demandas da Região Serrana do estado.

Em uma segunda etapa, serão criados outros dois núcleos: um em Campos dos Goytacazes para atender a região do 6º CPA (Norte/Noroeste Fluminense) e o segundo em Volta Redonda para atuar na jurisdição do 5º CPA (Sul Fluminense).

O objetivo da descentralização é dar mais agilidade aos serviços de perícia no interior e, ao mesmo tempo, reduzir a carga de trabalho do Ccrim, sediado em Sulacap, Zona Oeste da capital, além de racionalizar o emprego de recursos humanos e logísticos.

Unidade subordinada à Corregedoria da Polícia Militar, o Ccrim foi criado há 30 anos com a missão de produzir laudos de inquéritos que apuram crimes militares, realizando perícias em veículos, armas, documentos, gravações de voz e de imagens, ou analisando substâncias químicas e biológicas. A dedicação de comandantes e peritos que passaram pelo setor ao longo desses anos transformou o Ccrim numa referência nacional na área de perícia criminal.


Fonte Entre Rios Jornal

0 visualização